Sobre Dun Laoghaire – 2

94_1

©Oisín Roche


Encontrei-me, nas primeiras semanas, como que mergulhado numa dimensão paralela. Percorria a George Street, via central da pequena cidade, com os seus prédios seculares de andar duplo, o comércio tradicional, os cafés de charme, os pubs, as pequenas livrarias, ainda enquanto corpo estranho, tele-transportado para imaginários esquecidos. A qualquer momento esperava ver o chapéu de coco de Watson, a sombrinha florida de uma dama diletante ou a carruagem puxada pela parelha de cavalos que me levaria ao Promenade Café, onde Joyce tomava o pequeno-almoço.

As ruas obedecem a um ritual certo, seguro, à vez monótono ou tranquilizador de acordo com a sensibilidade de cada um. Não é raro encontrá-las enfeitadas pelas sonoridades dos artistas urbanos, sejam eles improvisadores de jazz de chapéu vermelho, tímidos executantes de música clássica, ou errantes experimentalistas da guitarra. Às sextas-feiras, ergue-se na curva da Marine Road uma minúscula feira composta por frituras e doces. Aos domingos, no People’s Park, o jardim público da cidade, floresce um outro mercado, mais amplo e heterogéneo, que atrai locais e forasteiros para uma mescla de gastronomia, vestuário, livros e bricabraque.

Contudo, o ponto de orgulho passa pela marginal, onde se exibem monumentos alusivos às visitas reais de outrora, seja o obelisco em honra de Jorge IV ou a coroa a celebrar as aparições da rainha Elizabeth. De um extremo ao outro, deparamo-nos com a estação ferroviária, o porto, os clubes náuticos, miradouros, esplanadas, jardins, zonas de desporto e lazer, banhos públicos.

Durante todo o ano, o Mar da Irlanda exerce o seu magnetismo. De Verão o espelho tranquilo oferta o seu perfume salgado, que se mistura com o sabor dos gelados que se compram nas carrinhas musicadas. De Inverno, o vento implacável esculpe as vagas, um exército infinito de cavalos brancos que rompem pelos rochedos perante o olhar mudo dos canhões medievais esquecidos nos pontões.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s